MAKTUB




10 fevereiro 2011


by_titusboy

Não dá pra morrer agora:

Preciso domar um cavalo;
Tocar piano para uma platéia lotada;
Viajar para o outro lado do mundo;
Ser entrevistada por Marília Gabriela;
Escrever um livro
MAKTUB
Disseram que eu poderia ser feliz!
Não dá pra morrer agora:
Preciso catalogar todas  as espécies de borboletas existentes;
Matar um dragão;
Inventar uma receita inusitada;
Ser dançarina;
Posar para fotos de família.
MAKTUB
Disseram que eu poderia ser feliz!
Não dá para morrer agora:
Preciso compor minha música;
Correr em direção ao além;
Achar o pote de ouro do arco-íris;
Morar em uma casa de biscoitos;
Ser rainha de alguma coisa;
Escrever poesias.
MAKTUB
Disseram que eu poderia ser feliz!
Não dá para morrer agora:
Preciso nadar no rio;
Nadar no mar;
Quebrar o braço;
Correr pelada;
Morrer de amores;
Ser amada;
Contar histórias.
MAKTUB
Disseram que eu poderia ser feliz!
(LILIAN FARIAS)

2 comentários:

  1. GENTE ISSO É SÓ UM BLOG... PARA EU COLOCAR MEUS POBRES TEXTOS! APENAS! SÓ! SOU CASADA E FELIZ!

    ResponderExcluir
  2. Maktube. Linda poesia. Estou neste momento matando um Dragão mas bem lá no fundo gostaria de estar catalogando borboletas.

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma

 
Autora dos livros O Céu é Logo Ali, Mulheres Que Não Sabem Chorar e Desconectada. Em seus livros ela aborda temas como sexualidade, liberdade, amor, preconceito, gênero, violência sexual, alcoolismo, etc. A escritora mantém um blog literário e trabalha com educação.

Arquivo do Blog

Direitos autorais

Copyright © 2015 • Poesia na alma