LeYa e Casa da Palavra na Bienal do Rio 2013




29 agosto 2013

O português Nuno Camarneiro, Mauricio de Sousa, Adriana Calcanhotto e os best-sellers de literatura de fantasia são alguns dos destaques da feira, que terá o lançamento da biografia de Leornardo e acontece entre os dias 29 de agosto e 8 de setembro no Riocentro.
A XVI Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro está chegando e, para marcar presença em um dos maiores eventos literários do país, as editoras LeYa e Casa da Palavra reuniram um time de peso. Entre as principais atrações estão Leonardo, que lança sua biografia durante o evento, Adriana Calcanhotto, Mauricio de Sousa, Bel Pesce e o português Nuno Camarneiro, último vencedor do Prêmio LeYa 2012. A literatura de fantasia será representada pela nova safra de escritores do gênero: Carolina Munhóz, Raphael Draccon, Affonso Solano e Leonel Caldela.
Realizada este ano no Riocentro, a feira começa dia 29 de agosto e vai até 8 de setembro. Nuno Camarneiro, autor da coleção Novíssimos, abre a participação da LeYa na mesa “Novos tempos, novos escritores”. Com o “Debaixo de algum céu”, o português questiona a miopia que nos envolve no dia a dia e mostra como muitas vezes só enxergamos o que de fato interessa após acontecimentos dramáticos que nos obrigam a repensar a vida.
Os amantes da música sertaneja poderão ver de perto uma das maiores estrelas do gênero no primeiro sábado da feira, dia 31 de agosto. Contando detalhes de sua trajetória profissional e história de vida, Leonardo lança a biografia “Não aprendi dizer adeus”, Casa da Palavra. O cantor estará no auditório da Bienal às 18h. Os fãs que desejarem ver o ídolo poderão retirar senhas no estande da editora.
No domingo, 1º de setembro, Mauricio de Sousa e José Santos levam o mundo infantil para a Bienal. Os autores autografam o novo livro da Turma da Mônica, “Uma viagem a Portugal”, no estande da editora LeYa, das 11h às 13h. Os personagens Mônica e Cebolinha alegram as crianças no mesmo local, das 11h30 às 12h.
No mesmo dia, a empreendedora e best-seller Bel Pesce autografa seu novo lançamento pela LeYa, o “Procuram-se super-heróis”. Após vender mais de 50 mil cópias e alcançar mais de um milhão e meio de downloads com “A menina do Vale”, a empreendedora aponta como transformar vidas com atitudes simples no dia a dia. Também falando sobre o tema realização pessoal, Nathalie Trutmann mostra como acreditar nos próprios sonhos pode ser o caminho para o sucesso em “Manual para sonhadores”, editora LeYa.
Com participações nos dias 31 de agosto e 7 de setembro, Carolina Munhóz mostrará por quê é uma das autoras mais badaladas de literatura de fantasia do momento. No livro “Feérica”, lançado pela Casa da Palavra, a jovem autora de 24 anos aborda pela primeira vez o universo da fama, com um narrativa envolvente e emocionante que mostra a busca da fadinha Violet por um espaço na badalada Hollywood.
Nos mesmos dias, Raphael Draccon, que vendeu mais de 200 mil exemplares da trilogia “Dragões de Éter”, retoma seu último lançamento “Fios de Prata”, da editora LeYa. O livro conta a história de um jogador de futebol de 22 anos que, no auge da fama, descobre como os sonhos podem ser assustadores.
Os elfos entram em cena no dia 3 de setembro com “O código élfico”, de Leonel Caldela. Representante do selo Fantasy, da Casa da Palavra, Caldela narra o emocionante encontro entre um elfo e uma jovem em meio a conspirações, assassinatos e magia.
Ainda na literatura de fantasia, no sábado, 7 de setembro, Affonso Solano conta a saga de “O espadachim de carvão”, Casa da Palavra. Perseguido por misteriosos assassinos, Adapak, filho de um dos deuses de Kurgalla, tem que fugir da ilha onde vive e descobrir sozinho os perigos e belezas do mundo. 
Os amantes da Música Popular Brasileira também terão motivos de sobra para passar pela feira no sábado. A cantora e escritora Adriana Calcanhotto participa de uma homenagem a Vinicius de Moraes no Café Literário. Adriana acaba de lançar, pela Casa da Palavra, o livro “Antologia ilustrada da poesia brasileira”.
No último dia da Bienal, Felipe Neto autografa o "Não faz sentido - Por trás da câmera". Lançado pela Casa da Palavra, o livro conta a trajetória profissional do próprio autor desde o pré-nascimento do site Parafernalha até a recente criação da empresa ParaMaker, primeira rede brasileira de canais do YouTube a ultrapassar a marca de um milhão de inscritos. Felipe ficou famoso na web ao lançar o polêmico canal "Não faz sentido", no qual aborda temas variados e sempre controversos, fazendo críticas a comportamentos e atitudes de artistas e da própria população. 


Participação das editoras LeYa e Casa da Palavra na Bienal Internacional do Livro:

29/08 – quinta-feira
17h – Nuno Camarneiro, “Debaixo de algum céu” (LeYa) – Café Literário, tema: Novos tempos, novos escritores
17h - Noemi Jaffe, “336 horas – contos” (Casa da Palavra) - Café Literário, tema: Novos tempos, novos escritores
19h - Nuno Camarneiro, “Debaixo de algum céu” (LeYa) – autografa livro no estande da editora

31/08 – sábado
15h – Carolina Munhóz, “Feérica” (Casa da Palavra) – Espaço #Acampamento, tema: Histórias de fada para quem vive na selva de pedra
16h/16h30 – Carolina Munhóz, “Feérica” (Casa da Palavra) - autografa livro no estande da editora
16h/16h30 - Raphael Draccon, “Fios de Prata” (LeYa) - autografa livro no estande da editora
17h – Raphael Draccon, “Fios de Prata” (LeYa) – Espaço #Acampamento, tema: Escritos e escritores de literatura fantástica no Brasil
18h – Leonardo, “Não aprendi dizer adeus” (Casa da Palavra) – Auditório

01/09- domingo
11h/ 13h – Mauricio de Sousa e José Santos, “Uma viagem a Portugal – Turma da Mônica” (LeYa) - autografam livro no estande da editora. Os personagens Mônica e Cebolinha estarão no estande das 11h30 às 12h.
14h – Bel Pesce, “Procuram-se super-heróis” (LeYa) - autografa livro no estande da editora
14h – Nathalie Trutmann, “Manual para sonhadores” (LeYa) - autografa livro no estande da editora
14h – Frederico Coelho, “A semana sem fim” (Casa da Palavra) – Café literário, tema: Isso é arte?
17h – Fernanda Thedim, “Corpo novo, vida nova” (Casa da Palavra) – Espaço Mulher & Ponto, tema: Dieta - benefícios e danos - o que precisamos saber para enfrentar a balança de forma saudável
18h – Bel Pesce, “Procuram-se super-heróis” (LeYa) – Bate-papo no estande Submarino
19h – Heloisa Seixas, “Uns cheios, outros em vão” / “O prazer de ler” (Casa da Palavra) – Espaço Mulher & Ponto, tema: Dores e descobertas - elas contam como atravessaram com suas famílias situações-limites como mal de Alzheimer e a dependência química
20h – Ruy Castro, “Rio Bossa Nova” (Casa da Palavra) – Café literário, tema: Bienal 30 anos: memória e celebração
20h – Ferreira Gullar – “Zoologia bizarra” / “Bananas podres” / “Bichos do lixo” (Casa da Palavra) - Café literário, tema: Bienal 30 anos: memória e celebração

02/09 – segunda
19h – Cris Zanetti e Fê Resende, “Vista quem você é” (Casa da Palavra) – Espaço Mulher & Ponto, tema: Vista quem você é - Descubra e aperfeiçoe seu estilo pessoal
19h - Márcia Disitzer, “Um mergulho no Rio - 100 anos de moda e comportamento na praia carioca” (Casa da Palavra) – Espaço Mulher & Ponto, tema: Vista quem você é - Descubra e aperfeiçoe seu estilo pessoal

03/09 – terça-feira
17h - Leonel Caldela, “O código élfico” (Casa da Palavra) – Espaço #Acampamento, tema: O código élfico em Santo Ossário do Brasil
18h/18h30 - Leonel Caldela, “O código élfico” (Casa da Palavra) - autografa livro no estande da editora

07/09 - sábado
13h – Raphael Draccon, “Fios de Prata” (LeYa) – Bate-papo no estande Submarino 
A partir das 13h – Affonso Solano, “O espadachim e carvão” (Casa da Palavra) - autografa livro no estande da editora
A partir das 13h30 - Raphael Draccon, “Fios de Prata” (LeYa) - autografa livro no estande da editora
A partir das 13h - Carolina Munhóz, “Feérica” (Casa da Palavra) - autografa livro no estande da editora
16h - Carolina Munhóz, “Feérica” (Casa da Palavra) – Bate-papo no estande Submarino
17 - Affonso Solano, “O espadachim e carvão” (Casa da Palavra) – Bate-papo no estande Submarino
18h30 – Adriana Calcanhotto, “Antologia ilustrada da poesia brasileira” (Casa da Palavra) – Café Literário, tema: homenagem a Vinicius de Moraes

08/09 - domingo
11h – Adriana Calcanhotto, “Antologia ilustrada da poesia brasileira” (Casa da Palavra) – Café Literário, tema: Antologia ilustrada da poesia brasileira
15h - Felipe Neto, “Não faz sentido - Por trás da câmera” (Casa da Palavra)- Espaço #Acampamento, tema: Não faz sentido: ganhar dinheiro com vídeos grátis
16h - Felipe Neto, “Não faz sentido - Por trás da câmera” (Casa da Palavra)- Bate-papo no estande Submarino
17h – Felipe Neto, “Não faz sentido - Por trás da câmera” (Casa da Palavra)- autografa livro no estande da editora 

Agenda hangouts

31/08
13h - Carolina Munhóz e Raphael Draccon – Estúdio IBA

01/09
16h30 – Bel Pesce e Nathalie Trutmann – Estúdio IBA

08/09
13h30 – Felipe Neto – Estúdio IBA 


XVI Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro
29 de Agosto a 08 de Setembro de 2013 

Horário
Dia 29 de Agosto: 13h às 22h
Dias de semana: 9h às 22h
Fins de semana: 10h às 22h 

Local do Evento
Riocentro
Av. Salvador Allende, 6555 – Barra da Tijuca 
22780-160 – Rio de Janeiro – RJ 

Valor do Ingresso
Inteira
R$ 14,00
Meia-Entrada*
R$ 7,00

5 comentários:

  1. Uau muito coisa, quem for vai poder aproveitar bastante *-*

    ResponderExcluir
  2. fico boba com tanta coisa boa, adorei .. inveja de quem pode participar

    ResponderExcluir
  3. Queria tanto assistir a homenagem de Adriana Calcanhotto para Vinicius de Moraes.
    Adoro MPB, tenho certeza que foi show.

    ResponderExcluir
  4. Eita como eu queria um autógrafo do Leonel Caldela, super ótimos seu livro. Deve ter sido um sucesso :D

    ResponderExcluir
  5. nossa que bacana , adoraria participar de algo assim, deve ser incrivel

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma

 
Autora dos livros O Céu é Logo Ali, Mulheres Que Não Sabem Chorar e Desconectada. Em seus livros ela aborda temas como sexualidade, liberdade, amor, preconceito, gênero, violência sexual, alcoolismo, etc. A escritora mantém um blog literário e trabalha com educação.

Arquivo do Blog

Direitos autorais

Copyright © 2015 • Poesia na alma