A voz de uma lágrima! - Lilian Farias




12 setembro 2013
por ~ rpintor


sinto-me só
com meus pecados
com meu caminhos pedregosos
que ainda não aprendi à decorar
que não tratei minha alma
que as lanças não foram fortes o suficiente
que foram quebradas
que meu sangue jura
que minha veia pulsa... 
tudo cativa
com gritos de desabafos
mesmo no silêncio
com gritos de desabafos
minha vida não está vencida...
não dá para me trair
lurei fidelidade a mim 
e minha vida é assim
com caminhos tortos
com lacunas
com pecados
com verdades
com mentiras
com os ventos
com os mortos
com meu sangue...
com minha pela cheia de cicatrizes... 
sinto-me só
mas cheia de outras eu
cheia de guerreiras que me empurram
com o pés que tentam tocar a grande mãe
com o coração destemido
com as loucura dos inconstantes
com a estupidez dos errantes
mas jurei fidelidade a mim 
apaixonada por minha cerne 
com os meus pecados
com os meus propósitos
com minha dores
com muitos sorrisos
eis a voz de uma única lágrima! 

Lilian Farias 

8 comentários:

  1. Ual, muito bom!!! Parabéns Lilian por escrever tão bem!

    ResponderExcluir
  2. Interessante o poema, eu não curto tanto poesia mas de algumas eu gosto

    bjos

    ResponderExcluir
  3. Declações de uma temporada de sofrimento...

    ResponderExcluir
  4. Incrível!
    Se essa é a voz de uma única lágrima, imagina só a voz de muitas lágrimas?!

    ResponderExcluir
  5. Nossa, quanto sentimento você passa com suas palavras. É realmente visível seu dom para escrever. Parabéns!

    ResponderExcluir
  6. nossa emocionante, gostei demais..super comovente...

    ResponderExcluir
  7. nossa que texto belo... fiquei impressionada com o dom das palavras

    ResponderExcluir
  8. Nossa amada que coisa linda vc fez aqui, li e reli e esqueci até de respirar e qdo enfim enchi meus pulmões de ar senti uma energia muito boa me acordando inteira, gratidão querida por falar assim ao meu coração com tanta ... igualdade entre nós, só consigo pensar isso , que todas nós bebemos do mesmo cálice .. <3
    http://florroxapoemasepoesias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma

 
Autora dos livros O Céu é Logo Ali, Mulheres Que Não Sabem Chorar e Desconectada. Em seus livros ela aborda temas como sexualidade, liberdade, amor, preconceito, gênero, violência sexual, alcoolismo, etc. A escritora mantém um blog literário e trabalha com educação.

Arquivo do Blog

Direitos autorais

Copyright © 2015 • Poesia na alma