Proibido para menores de 18 - Quando uma garota entra em um bar




11 outubro 2013
Quando Uma Garota Entra Em Um Bar "Então você se arrumou toda para uma noite de amigas, daquelas onde só as mulheres participam, mas suas amigas mudaram de planos sem avisar e, agora, você está sozinha em um bar superbacana, arrumada e perfumada, e sem saber bem para onde ir... O que você faz? Aproveita que já está por ali, pede uma tequila e dá uma boa olhada no yuppie que está na mesa ao lado? Ou pede uma cerveja e vai pra perto do palco arrebatar o baterista? Pode ser que você prefira uma paquera com o rapaz de botas de bico fino e músculos trabalhados que está encostado à parede. Ou, quem sabe, tomar um café com o bombeiro que está cuidando da segurança dos clientes e que, neste instante, está verificando o funcionamento do extintor... E isso tudo só pra começar! A escolha é sua — e você tem um mundo de possibilidades nesta noite que parecia começar mal! Só não espere que esta experiência seja como outra qualquer, porque esta noite ficará definitivamente marcada em sua memória de erotismo e paixão. Divirta-se com esta definitiva experiência sensual onde você, e só você, terá o controle de seu próprio prazer!"

Quando uma garota entra em um bar, dá em um livro quente! O jogo de sedução que Helena faz com as palavras, meche exclusivamente com o nosso libido. O vinho, substancia muito usada para seduzir, é a parte em que ela determina para que página devemos ir. Nossa, pegou fogo!
Quando uma garota entra em um bar, de Helena S. Paice, 238 páginas, Novo conceito, é uma explosão de sexualidade e sensualidade. Um porre orgástico, proibido para menores. A narrativa é fluida e uma conversa com a leitora; exatamente! Com a leitora! Logo, queridinha, a personagem principal é eu, você, ela, nós, vós, elas!
Esteja pronta para ser uma cadela no cio, não uma dessas infelizes que esperam pelo príncipe; mas uma mulher segura que vai a procura da caça! O corpo dessa mulher não fala; ele grita, mia uiva...
Contudo, não posso esquecer-me do fabuloso toque de humor “Uma corrente de ouro sobre um matagal em cima de grande pança. Ele bota um palito na boca, levanta-se e caminha todo emproado até você. Talvez, se você não fizesse contato visual, esse clichê ambulante entendesse a mensagem... mas você não tem tanta sorte.” Bom, todo bônus tem seu ônus!
O fato é que tirando esse pequeno incidente, na página trinta, você já está em brasas, pode ter certeza! Não posso esquecer-me do sarcasmo e cenas hilárias da história, os abusos eróticos de alguns homens que nos fazem brochar; você quer saber qual? Então leia o livro!  
Esse é um livro pra quem tem a mente aberta; se você for uma boba que acha que literatura tem fronteiras, leia para limpar sua mente; se você é uma mulher livre de preconceitos, leia para sentir muitas coisas... (risos)

6 comentários:

  1. um bom livro, eu particularmente gosto muito , acho super intrigante e forte ... capa perfeita

    ResponderExcluir
  2. Nossa só lendo pra saber, tenho menos de 18, mas isso é só um detalhe haha!

    ResponderExcluir
  3. Ainda beem que sou maior de 18 anos :D
    Estou com tanta vontade de ler esse livro... vamos ver quais serão as minhas sensações, hahaha

    ResponderExcluir
  4. Já imagino o quanto de louco deve ser esse livro. As vezes gosto de fazer uma leitura mais picante com um toque de humor. Pretendo ler.

    ResponderExcluir
  5. livro otimo, é super divertido e marcante


    distrai legal

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma

 
Autora dos livros O Céu é Logo Ali, Mulheres Que Não Sabem Chorar e Desconectada. Em seus livros ela aborda temas como sexualidade, liberdade, amor, preconceito, gênero, violência sexual, alcoolismo, etc. A escritora mantém um blog literário e trabalha com educação.

Arquivo do Blog

Direitos autorais

Copyright © 2015 • Poesia na alma