História Policial, do escritor húngaro Imre Kertész




31 março 2014




Em "História policial", o escritor húngaro Imre Kertész, laureado com o Nobel de literatura em 2002, conta a trajetória de um pai e seu filho nos subterrâneos de uma ditadura latino-americana. Os acontecimentos são narrados pelo ex-torturador Antonio Martens, que escreve suas memórias dentro da prisão, e por fragmentos do diário de Enrique Salinas, jovem rico e idealista barbaramente torturado pelo regime. Um alerta para o perigo da indiferença e da inércia diante da barbárie. 

3 comentários:

  1. Bem chamativa essa sinopse, gostaria de dar chance para este livro, me parece que ele tem um toque mais macabro e o enredo é interessante.
    Abraços, Carlos.

    http://blogchuvadeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Muito me agradou esse livro, uma capa incrivel fabuloso

    ResponderExcluir
  3. Olá Lilian,

    Esse livro parece bem interessante, gostei da sinopse só que a capa é muito ruim....abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma

 
Autora dos livros O Céu é Logo Ali, Mulheres Que Não Sabem Chorar e Desconectada. Em seus livros ela aborda temas como sexualidade, liberdade, amor, preconceito, gênero, violência sexual, alcoolismo, etc. A escritora mantém um blog literário e trabalha com educação.

Arquivo do Blog

Direitos autorais

Copyright © 2015 • Poesia na alma