Adeus Rubem Alves, por Jean Wyllys




21 julho 2014


'Não houve tempo sequer de assimilar a perda de João Ubaldo Ribeiro, e mais uma triste notícia: morreu há pouco o escritor Rubem Alves, um dos pilares da teologia da libertação, inclusiva e tolerante com o próximo, oposta ao fundamentalismo. 
Rubem, morre o corpo, mas jamais aquilo que lhe imortaliza. Aquilo que nos inspira é eterno. ' By Jean Wyllys

"Quem experimenta a beleza está em comunhão com o sagrado."

'Eu, Lilian Farias, deixo aqui minha profunda tristeza e lamento por esses dois gigantes da literatura nacional que tanto nos ensinou e tanto fez pelo país. Mais que artes, escreveram sobre o social para o povo, sobre liberdade, sobre gente.'

'Que eles não fiquem somente na história, que façam parte de nossas leituras diárias!'

6 comentários:

  1. Eu fiquei abismada quando vi a notícia, dois escritores em tão pouco tempo. É difícil assimilar. Gostei muito das palavras >.<

    Beijos
    Babih Hilla
    http://revolucionandogeral.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também fiquei muito triste e agora o Ariano...

      Excluir
  2. Oi Lilian, está é uma notícia muito triste em que nos despedimos de dois autores incríveis!
    Faço das suas as minhas palavras e que eles façam parte de nossas leituras diárias...
    Beijos

    versosenotas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. uma perda muito triste, um nome impar na minha opinião ...
    descanse em paz homem

    ResponderExcluir
  4. uma morte que me deixou bem emocionada, perdemos um homem te palavras marcantes

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma

 

SKOOB

Arquivo do Blog

Direitos autorais

Copyright © 2015 • Poesia na alma