Mandarim, Eça de Queiros - Lançamento Tordesilhas




16 janeiro 2015


Um jovem ambicioso, que sonha em deixar a vida modesta, recebe a seguinte proposta da personificação do diabo: tocar um campainha em troca de fortuna.Esta envolvente novela de Eça de Queirós ganhou uma luxuosa edição, com capa dura, ilustrada pelo consagrado artista plástico Alberto Cedrón e prefácio raro do próprio autor. 

2 comentários:

  1. Um Clássico, né?
    Mas, esse eu acho que pulo, já me aventurei com Eça e não curti o estilo dele.
    Muito detalhista, a leitura pra mim se arrasta parece embromante.
    Definitivamente não curti.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Queria ter o dom da paciência para esses tipos de livros, mas não sou assim </3
    Haha, você gosta desses tipos de livro?
    Beijos.

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma

 

SKOOB

Arquivo do Blog

Direitos autorais

Copyright © 2015 • Poesia na alma