Resenha – Antes da forca




24 fevereiro 2015

Desde o ano passado, estava com um hábito tosco de solicitar das editoras ou comprar livros de trilogias em ordem aleatória.Com Antes da forca, Joe Abercrombie, 490 páginas, Editora Arqueiro, não foi diferente. O que eu fiz? Peguei o livro O Poder da Espada com uma amiga... Mas, nos atentaremos nesta resenha ao livro dois.

Antes da Forca - Nesta ardilosa sequência de O poder da espada, o futuro da União está em três frentes de batalha – e nenhuma delas parece nem perto da vitória.
Sand dan Glokta se tornou o todo-poderoso de Dagoska e tem de impedir que ela seja tomada pelos inimigos – tarefa difícil em uma cidade com muralhas decadentes e escassez de soldados. Além disso, o ex-torturador também precisa desvendar uma conspiração no conselho governante e salvar a própria pele.Enquanto isso, nas terras congeladas de Angland, o coronel West tem pela frente uma complicada missão: proteger o príncipe herdeiro no campo de batalha e evitar que a inexperiência e a arrogância dele levem todos para a morte.Ao mesmo tempo, Bayaz, o Primeiro dos Magos, lidera uma expedição que cruzará o continente até a borda do Mundo. Passando por terras amaldiçoadas e esquecidas no passado, ele precisa encontrar a Semente – uma relíquia do Tempo Antigo que poderia pôr um fim à guerra, ao exército de comedores que se multiplica no Sul e aos bandos de shankas que atacam no Norte.Nesta trama inteligente e de personagens complexos, antigos segredos são revelados, batalhas sangrentas são travadas, inimigos mortais são perdoados – mas não antes de estarem na forca.

Saliento que Antes da forca é diferente. O enredo oferece uma construção de sentido numa perspectiva de interfaces, conduzindo o leitor, em certos instantes, à alienação temporal. Fiquei perdida no tempo, mas centrada na história. É pertinente discorrer que para além da genialidade do autor, o leitor criativo estabelecerá uma relação autorreflexiva desconstruindo alguns pré-requisitos impostos ao realismo fantástico. O clichê e óbvio tomam vida e trazem entendimento original aos personagens e inclusive ao próprio mundo fantástico. Nessa trilogia, errar não é humano e custa vidas. Todo cuidado é insuficiente.


Dagoska está em perigo e cabe a San a responsabilidade de resolver tudo. Em Angland, um príncipe tolo e estúpido pode colocar tudo a perder. E Bayaz está numa expedição para ir à Borda do mundo, carregando consigo a esperança de acabar com a guerra, mas será que, O primeiro dos Magos, tem esse poder?

“Logen achou que tinha deixado os shankas muito atrás, mas depois do choque de ver um, não veio a surpresa. Já deveria saber. Só os amigos ficam para trás. Os inimigos estão sempre nos calcanhares da gente.”

Opressão, mercenários, guerra, ódio, magia, sangue. Muitas histórias são reveladas e conectadas à terrível guerra. Os capítulos vão mesclando sobre o ponto de vista de personagens distintos. A materialização da guerra, da batalha, do duelo é o de menos, a relação dialógica dos envolvidos nela é mais forte no livro. Ou seja, entre mortos e feridos, as batalhas e seus triunfos têm um peso menor; o foco é a construção psicológica, social e ética com o momento. Numa perspectiva holística, o autor cria personagens e ambientes para uma leitura analítica.

"Devemos perdoar nossos inimigos, mas não antes de serem enforcados."

A relação de três grupos distintos torna o livro humano. Não é uma casa arrumada, onde cada coisa está no seu lugar. Um é do bem e outro do mal. Todos são bons e maus e essa analogia vai oscilando com maestria de acordo com as necessidades individuais, grupais, contexto histórico e social. Acho que dá para finalizar com um: O livro é maravilhoso! Vou comprar os que estão faltando, pois não gosto de pegar livro emprestado, na maioria das vezes...

18 comentários:

  1. poxa , fiquei curiosa! Adoro livros envolvendo magia, e muita guerra e sangue UEHUHEUEHUHE
    adicionando na minha lista ♥
    Beijos! | Zombie Effect

    ResponderExcluir
  2. Oláá
    Poxa, não é o tipo de leitura que gostou ou costumo ler, mas que bom que você gostou tanto de ter lido haha
    A resenha ficou muito boa.

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/2015/02/resenha-o-diario-de-anne-frank-anne.html

    ResponderExcluir
  3. menina, eu tenho uma dificuldade enorme em começar séries pelo meio. Sempre preciso iniciar pelo primeiro, senão me perco na história. Não sei te dizer se eu seria capaz de ler essa série em questão, mas o que me prendeu na tua resenha foi esse lance de ser bom e mal ao mesmo tempo, ou seja, pelo que entendi os personagens são ambas as coisas, mas de acordo com suas 'conveniências', não é??? Eu fico fissurada por leituras/personagens assim...
    A capa dele é absurdamente linda. O que assusta um pouco é o numero de páginas. xD
    Mas quem sabe, se eu ler o primeiro e gostar, procuro os demais.

    Bjs ^^

    ResponderExcluir
  4. Ótima resenha, adorei e fiquei super curiosa por este livro. Bjs. http://vihpaula.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. A última série que li sobre magia e que gostei foi O Clã dos Magos pela Novo Conceito. Eu tive interesse no livro, mas como não li o anterior e não consegui comprá-lo ainda, a leitura está em modo de espera.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?

    A forma como está estruturada a estória deste livro parece ser bem diferente, talvez eu leia mais pra frente. Bjks da Gi
    http://lendoaestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. "Nessa trilogia, errar não é humano e custa vidas. Todo cuidado é insuficiente", "Devemos perdoar nossos inimigos, mas não antes de serem enforcados."Estou absolutamente encantada tanto pela história quanto pela forma com que vc nos apresentou a esta obra ..já estou apaixonada. <3

    ResponderExcluir
  8. Sua resenha está incrível. Muito bem escrita.
    Esse eu não coheço e não sei se leria o livro. Apesar da sua resenha muito bem estruturada, não é algo que chega a me despertar interesse. Mas o título e a capa são muito sugestivos.
    Beijinhos.
    http://ressacamusiliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Parabéns pela resenha, está perfeita. Apesar disso, não sei se teria vontade de ler o livro, o título não me agradou.

    Beijos, Ahri.
    dois-players.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olá, adorei a resenha. Já conhecia os livros. Mas ainda não tive vontade de lê-los. Não sei o que acontece. Mas, quem sabe um dia.

    Beijos!

    http://livrosfilmeseencantos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oii, tudo bem?
    Não conhecia os livros e apesar da maravilhosa resenha, não me chamou atenção neste primeiro momento...
    Bjs

    http://a-libri.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Adorei a sua resenha parabens, mas esse livro não é o que me chama a atenção... adoro magia e tudo mais, mas esse lance de guerra é algo que peca bastante pra mim, não curto muito. Mas que bom que você gostou :3

    beijos
    http://livrosetalgroup.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem?
    Eu acho a capa desse livro bem bacana, mas ao saber que ele é o livro 2 já desanimei, também devo confessar que não é o tipo de livro que chama a minha atenção, a premissa é interessante, mas não é um tema que eu costumo ler, sabe? No entanto, eu gostei da sua resenha, os quotes escolhidos também são ótimos e essa sua caneca é liiinda *o*

    Beijos :*
    Larissa - http://srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Eu comecei a ler e me interessei muito pela história. Por isso, terminei dando uma lida por cima, não quero spoiler srsrs
    Vou procurar o primeiro livro pra ler.
    Essa capa é muito bonita, meus parabéns a quem fez ela. E gostei bastante dos quotes escolhidos.

    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Olá, a forma que o autor escreve a história parece ser muito interessante, a capa é um encanto e estou apaixonada pela forma que conduziu a resenha, foi ótima!
    As frases só dão um gostinho de quero mais.
    Realmente irei procurar saber
    cheireiumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Bela resenha! Já conhecia o livro, mas ainda não tive a oportunidade de ler.
    Parabéns pela resenha bem construída. E parabéns pela foto. Ficou show.

    Beijos :)

    <a href="http://academialiterariadf.blogspot.com.br/>Academia Literária DF</a>

    ResponderExcluir
  17. Olá!

    Sempre fui curiosa quanto a essa trilogia, mas como não consegui o primeiro livro, acabei não lendo o segundo quando tive a oportunidade. Fiquei encantada com a sua resenha, super caprichada, me deu ainda mais vontade de ler!

    Beijos!
    http://coolturenews.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oie, tudo bom?
    Não é uma série feita para mim e fiquei um pouco confusa em relação a proposta da narrativa. Não sabia que esse livro fazia parte de uma série.
    beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma

 

Fanpage

Seguidores

Compre aqui

Compre aqui
Livro Mulheres que não sabem chorar

Link Me

Curta também:

Parcerias

De olho

Arquivo do Blog

Direitos autorais

Google+ Followers

Autora dos livros O Céu é Logo Ali, Mulheres Que Não Sabem Chorar e Desconectada. Em seus livros ela aborda temas como sexualidade, liberdade, amor, preconceito, homossexualidade, violência sexual e alcoolismo. A escritora mantém um blog literário e está sempre bem informada sobre questões sociais que acontecem em nosso país. É defensora da tese de que todos são diferentes e merecem ser tratados com equidade. Ela adora escrever sobre temas que incomodam e diz não ter medo do preconceito. Trabalha no movimento social e acredita que a educação é capaz de trazer mudanças significativas ao país.

Siga-nos por e-mail

Copyright © 2015 • Poesia na alma