Header Ads

Não quero flores. Quero livros escritos por mulheres

Female workers during a strike at Citroen, 1930s. Photo by Willy Ronis.




Hoje, oficializamos o projeto Não quero flores. Quero livros escrito por mulheres. Todos os anos, neste mês, que não há muito o que se comemorar, falamos de algum assunto relacionado ao dia internacional da mulher (Também fazemos isso durante o resto do ano). O projeto é simples, postar diariamente trechos de livros, livros, fotos e informações sobre autoras e usar a hashtag # Querolivrosescritopormulheres.

Além disso, fiz uma pequena lista de livros que não tenho, foram escritos por mulheres e está em minha lista de sonho de consumo.

Série Napolitana, tetralogia da escritora Elena Ferrante



A Série Napolitana, formada por quatro romances, conta a história de duas amigas ao longo de suas vidas. O primeiro, A amiga genial, é narrado por Elena Greco e cobre da infância aos 16 anos. As meninas se conhecem em uma vizinhança pobre de Nápoles, na década de 1950. Elena, a menina mais inteligente da turma, tem sua vida transformada quando a família do sapateiro Cerullo chega ao bairro e Raffaella, uma criança magra, mal comportada e selvagem, se torna o centro das atenções. Essa menina, tão diferente de Elena, exerce uma atração irresistível sobre ela. As duas se unem, competem, brigam, fazem planos. Em um bairro marcado pela violência, pelos gritos e agressões dos adultos e pelo medo constante, as meninas sonham com um futuro melhor. Ir embora, conhecer o mundo, escrever livros. Os estudos parecem a melhor opção para que as duas não terminem como suas mães entristecidas pela pobreza, cansadas, cheias de filhos. No entanto, quando as duas terminam a quinta série, a família Greco decide apoiar os estudos de Elena, enquanto os Cerrulo não investem na educação de Raffaella. As duas seguem caminhos diferentes. Mais que um romance sobre a intensidade e complexa dinâmica da amizade feminina, Ferrante aborda as mudanças na Itália no pós-guerra e as transformações pelas quais as vidas das mulheres passaram durante a segunda metade do século XX. Sua prosa clara e fluída evoca o sentimento de descoberta que povoa a infância e cria uma tensão que captura o leitor.

 Eu Sei Por Que o Pássaro Canta na Gaiola (Todos os livros da autora)




Grandioso livro de memórias, "Sei Porque Canta o Pássaro na Gaiola" (1969) é uma poética viagem de libertação e um glorioso bater de asas num mundo opressivo.Este relato inspirador da infância e da juventude da autora, nos anos 30 e 40, devolve-nos o olhar de uma extraordinária criança sobre a violência inexplicável do mundo dos adultos e a crueldade do racismo, na procura da dignidade em tempos adversos.Do Arkansas rural às cidades da Califórnia, Maya Angelou traça neste livro um tocante retrato da comunidade negra dos Estados Unidos, durante a segregação, e de uma consciência que, incapaz de se resignar, desperta rumo à emancipação. Um clássico americano que marcou gerações e que conserva toda a sua atualidade. Maya Angelou enfrenta a sua vida com uma admiração tocante e com uma dignidade luminosa. - James Baldwin


Paixão Pagu, de Patrícia Galvão (Todos os livros da autora)





Como toda lenda, Pagu não morre. Mexe com a gente e surpreende. Mas nunca como neste 'Paixão Pagu', seu único texto autobiográfico, inédito desde que ela o escreveu em 1940, recém-saída da última das suas 23 prisões como inimiga política número um da ditadura de Getúlio Vargas.Esta obra não é uma autobiografia convencional. Uma mulher como Patrícia Galvão, ao mesmo tempo inquieta e reservada, nunca escreveria memórias corriqueiras. O livro é uma longa carta que ela escreveu como um depoimento-entrega ao homem que ela amava, o escritor, jornalista e crítico Geraldo Ferraz. O texto mostra Pagu nua, sem subterfúgios, corajosa e sincera. Ela revela desde sua vida sexual iniciada precocemente até os altos e baixos do seu casamento com Oswaldo de Andrade, que deixou Tarsila do Amaral pela normalista de 19 anos. Da sua militância política no Partido Comunista, iniciada pela mão de Luís Carlos Prestes, ao desencanto com o regime soviético, incapaz de evitar seu encontro com uma menininha que pedia esmolas na Praça Vermelha, ao lado do túmulo de Lênin. 


O Ciclo Menstrual da Noite, de Alice Macedo Campos




O Ciclo Menstrual da Noite é uma obra arrojada, provocante e de leitura obrigatória. Do ponto de vista estético é uma obra de um acentuado hibridismo formal em que o eu poético assume ora desenvolvimentos de lirismo de enquadramento existencialista, consumado sobretudo numa linguagem pura e dura, por vezes a roçar o degradante e o decadente, ora projecções distanciadas de forte pendor narrativo consciente da incapacidade objectiva da explicação do mundo à medida que as palavras se vão gastando e que só a remissão pela morte, em rigor, atenua, na medida em que pode restituir o sentido último das coisas, ancorado a um cordão umbilical omnipresente.


O Complexo De Cassandra, de Laurie Layton Schapira
  


Na mitologia grega, o Deus Apolo se apaixonou por Cassandra, filha do rei de Troia, e a ela prometeu o dom da profecia. Quando ela se recusou a ser seduzida, Apolo, por vingança, amaldiçoou-a para que ninguém acreditasse em suas profecias. E assim se estabelece a tragédia arquetípica de todas as mulheres oprimidas num mundo patriarcal: sua sabedoria e intuição são desacreditadas, chegando ao ponto de questionarem suas próprias percepções.  Em O Complexo de Cassandra, a analista junguiana Laurie L. Schapira traça um paralelo entre o padrão arquétipo e a vida da mulher moderna, delineando seu perfil psicológico e descrevendo as fases clínicas do processo analítico capazes de resgatar a Cassandra na psique feminina para uma nova era em que todas as mulheres são capazes de acreditar no que sabem e no que veem.  

Como Se Estivéssemos Em Palimpsesto de Putas, de Elvira Vigna (Todos os livros da autora)



Dois estranhos se encontram num verão escaldante no Rio de Janeiro. Ela é uma designer em busca de trabalho, ele foi contratado para informatizar uma editora moribunda. O acaso junta os protagonistas numa sala, onde dia após dia ele relata a ela seus encontros frequentes com prostitutas. Ela mais ouve do que fala, enquanto preenche na cabeça as lacunas daquela narrativa.Uma das grandes escritoras brasileiras da atualidade, Elvira Vigna parte desse esqueleto para criar um poderoso jogo literário de traições e insinuações, um livro sobre relacionamentos, poder, mentiras e imaginação.

Linha M, Patti Smith



Depois do cultuado Só garotos, a lendária cantora e escritora Patti Smith volta à sua odisseia pessoal em Linha M, que ela chama de um mapa para minha vida . O livro começa no Greenwich Village, o bairro que tanto marcou sua história. Todos os dias a artista vai ao mesmo café e, munida de seu caderno de anotações, registra suas impressões sobre o passado e o presente, a arte e a vida, o amor e a perda. Num tom que transita entre a desolação e a esperança e amplamente ilustrado com suas icônicas polaroides , Linha M é uma meditação sobre viagens, séries de detetives, literatura e café. Um livro poderoso e comovente de uma das mais multifacetadas artistas em atividade.


Essa é uma pequena lista de livros que quero ter. Gostou da lista? Você também tem uma lista de livros escritos por mulheres que é seu sonho de consumo? Quais? Diz nos comentários. 

E não esqueça, participe do projeto usando o hashtag # Querolivrosescritopormulheres e ajude a acabar com o silenciamento das mulheres na literatura.

Quando todas nós ecoarmos num único som por nossa liberdade e direitos, o mundo não será mais o mesmo, o mundo será mais justo.


No dia que for possível à mulher amar-se em sua força e não em sua fraqueza; não para fugir de si mesma, mas para se encontrar; não para se renunciar, mas para se afirmar, nesse dia então o amor tornar-se-á para ela, como para o homem, fonte de vida e não perigo mortal.

Simone de Beauvoir, in Todos os Homens São Mortais

40 comentários:

  1. Olá, tudo bem? Achei o projeto bem bacana - Não quero flores. Quero livros escrito por mulheres.

    Elena Ferrante, eu já li e curto muito a leitura dela.. Então acredito que será uma ótima aquisição que fará! Li em e-book alguns dos livros da autora, não tenho os físicos. Da sua lista foi a única autora que li e que curto muito!

    Eu não tenho uma lista de desejados de livros escritos por mulheres (especificamente), mas tenho muitos livros em casa de autoras mulheres estrangeiros e alguns nacionais. Minhas listas são baseadas em gêneros e editoras que acompanho.

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?

    Projeto muito importante e necessário. Dos livros que você indicou eu tenho a tetralogia napolitana, e já li quase todos os livros da Ferrante. É uma maravilha como dizem. Queria muito conhecer a Patti Smith e a Elvira, tenho um na estante mas ainda não li. Vamos ler mais mulheres sempre. Falar nisso O Leia Mulheres está a todo mês discutindo obras de mulheres. Aqui na cidade, esse mês, será Mulheres que correm com os lobos, que parece ótimo e ou tentar ler para discutir. <3

    Att,
    Pedro S.
    www.decaranasletras.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já li Mulheres que correm com os lobos três vezes e no final a autora indica Maya Angelou. Obrigada pelo comentário.

      Excluir
  3. Olá!

    As nossas listas nunca diminuem, né? Mesmo a gente sempre comprando e ganhando livros, sempre temos um novo entrando na lista. Confesso que não conhecia nenhum desses, mas é que eu sou mais dos livros que carregam uma história fictícia por trás, essas parecem ser mulheres bem mais "cultas" e raramente leio esses livros, simplesmente porque não me chamam muito a atenção. Minha lista de livros de mulheres é grande, mas se enquadram em outra categoria.
    Adorei a iniciativa do projeto!

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra ser honesta, não compreendi essa parte do ' história fictícia ' e 'mulheres bem mais "cultas"', ficou confuso e até constrangedor, mas enfim, obrigada pelo comentário.

      Excluir
  4. Oii, tudo bom?
    Eu amei o projeto e super apoio. Valorizar os escritos das mulheres é necessário. Eu gostei demais da lista em especial do livro "O Complexo de Cassandra" que tem uma premissa bem incrível. Engraçado o fato de gostar bastante desse tipo de enredo mas nunca vi esse livro por aí. Mas com certeza vou atrás em livrarias digitais.
    Beijos.

    Blog: fanficcao.wordpress.com

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem?
    Que massa esse seu projeto! Super apoio e irei participar também, só basta escolher uns títulos, rs. Livros mais conteporâneos me chamam mais a atenção, irei pesquisar.

    ResponderExcluir
  6. Que projeto incrível. Ano passado consegui comprar vários titulos feminino e isso me deixou muito feliz. Apoio demais *_*

    Beijos
    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem? QUe lista maravilhosa <3 Muitos não conhecia e por isso peguei algumas dicas. Como meu enfoque é romance/fantasia sempre tenho na listinha VÁRIAS autoras. Adorei a postagem <3
    Beijos,
    https://diariasleituras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Eu acompanhei algumas postagens no twitter e acho que no instragram também. Achei a ideia excelente e adorei a sua lista, não conhecia nenhuma das autoras e me senti envergonhada com isso. Mas, como sempre, seu blog traz dicas incríveis e encontrei novas aqui na postagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por estar acompanhado o projeto. Espero que participe e indique em suas redes sociais muitas autoras .

      Excluir
  9. Olá, tudo bem? Super apoio o seu projeto, ele é muito incrível!
    Conheço apenas os livros da Helena Ferrante e fiquei muito feliz em conhecer as outras obras.

    Beijos e Abraços VIVI
    http://vickyalmeida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Oiii,

    Adorei o projeto e sua lista de desejados, apesar de não conhecer nenhuma destas obras anteriormente achei muito interessantes algumas delas e já coloquei n aí minha listinha.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem?
    Já tinha visto a chamada do projeto na sua fanpage e achei super bacana. Dos mencionados por você, conheço mas não li nenhum e se tiver que acrescentar uma autora a lista, colocaria o nome de Simone de Beauvoir, que para mim é uma das mulheres mais fascinantes que tive o prazer de ler!
    http://colecionandoromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oiê! Que projeto bacana! Não conheço nenhuma das autoras presentes da sua lista, mas achei a história do primeiro livro bem instigante. Eu acho que leio muitos livros escritos por mulheres até e isso é maravilhoso, as mulheres tem mesmo que estar presente com força total na literatura e onde mais elas quiserem. Rs ❤❤

    ResponderExcluir
  13. Só esse titulo de postagem já é morte demais e achei excepcional, amei e pretendo participar sim, precisamos de representatividade na literatura. Eu não conhecia nenhuma dessas obras mas já salvei seu post!

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Adorei o projeto! Felizmente, a maioria dos livros que eu leio são escritos por mulheres, mas sei que o mercado literário ainda é muito fechado para as escritoras e, assustadoramente, ainda há pessoas que se recusam a ler livros por elas.
    Não li nenhum da sua lista de desejados, mas admito que não fazem meu estilo. Dentre os livros que estão no topo da minha wishlist e que são escritos por mulheres estão Norte e Sul, da Elizabeth Gaskel, A Senhora de Wildfell Hall, da Anne Brontë,e A longa viagem a um pequeno planeta hostil, da Becky Chambers.
    Adorei o post, vou acompanhar o projeto e espero que você consiga adquirir todos os livros que citou como desejados.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Amei o projeto, acho que a iniciativa é sensacional. Precisamos mesmo ler mais mulheres escrevendo sobre mulheres e que caia esse preconceito de que mulher só pode escrever romances água com açúcar. Mulheres podem e devem escrever sobre os mais diferentes assuntos. Deixem que nós contemos nossas próprias histórias.
    Beijos
    Mari
    http://www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  16. Olá! Amei o projeto, é lindo e de extrema importância. Não conhecia a maioria dos livros que você citou e gostei bastante de saber um pouco sobre eles.. <3

    Beijos,
    Conta-se um Livro

    ResponderExcluir
  17. Não conhecia o projeto, mas gosto da ideia. Não gosto de ISMO, sou a favor de defender os direitos do ser humano como um todo. Mas claro que a mulher em si está com anos de atraso nesses direitos se comparados aos dos homens. Enfim... tenho muita vontade de ler os livros da Margaret Atwood e vou participar do projeto lá na Cabine.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá, tudo bem? Adorei sua postagem e o tema abordado. Achei muito bacana e interessantes os livros citados, fiquei curiosa para ler a maioria. Ótimas dicas!

    ResponderExcluir
  19. Olá Lilian, adorei o projeto e vou acompanhar as postagens e dicas *-* Adorei os livros que você colocou na sua listinha de desejados, já até anoite alguns na minha <3

    ResponderExcluir
  20. Oi Lilian
    Achei bem interessante seu projeto e concordo que infelizmente não temos muito o.que comemorar.
    Não conhecia os livros que virou, mas confesso que fiquei curiosa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Olá!
    Eu confesso não ser muito adepta a flores, principalmente a ganhá-las. Concordo com você que infelizmente e principalmente nos dias de hoje, não vejo muito o que comemorar, mas acho válido a lembrança.
    Achei interessante esse projeto e dessa sua lista tinha me chamado atenção a Elena Ferrante, que por sinal não sabia que fazia parte de uma série. O colorido dessas capas e a premissa parece bem envolvente, já as outras mencionadas no post, nunca tinha ouvido falar e espero conhecê-las com suas resenhas.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  22. Eu queria ter tempo para me envolver com esse projeto. Sobre a lista: por favor leiam todos os livros da Elvira Vigna. Que escritora maravilhosa!


    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Que projeto genial e que bom alguém citou Pagu. Já divulguei a proposta e estou no rol das adeptas.

    ResponderExcluir
  24. Adorei o projeto!
    Não sabia da sua existência e gostei de saber um pouco mais sobre ele. Parabéns pelo post.
    Beijos

    ResponderExcluir
  25. Preciiiso desse " O complexo de Cassandra " e amei esse projeto! Você arrasa mesmo

    ResponderExcluir
  26. Aaaaah eu quero flores e quero livros! rsrsrs
    Adorei o projeto! Da sua lista fiquei super curiosa pra conhecer o livro "Eu Sei Por Que o Pássaro Canta na Gaiola" Achei interessantíssimo. Belo post, parabéns!
    Nizete
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  27. Olá!
    Que ideia fantástica, acho incrível um projeto como esse o foco dele. Temos uma literatura riquíssima com grandes mulheres. O que seria da literatura sem a participação feminina? Adorei a lista. Parabéns pela ação.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  28. Olá, tudo bem?
    Adorei a idéia do projeto. Também quero ler mais livros escritos por mulheres esse ano, principalmente mulheres negras. Dos citados, os que mais me chamaram a atenção foi a série Napolitana e o Ciclo Menstrual da Noite.
    Beijos <3

    ResponderExcluir
  29. Olá
    Que legal essa iniciativa e esse projeto.Nossa lista de livros nunca acabam neh, e com ceretza as mulheres dominam nossas listas e desejados, tenho alguns na minha lista dos "quero pra ontem ", e espero conseguir logo. Adorei sua lista.
    Bjus

    ResponderExcluir
  30. Oii

    Muito legal seu projeto! Desses livros eu quero muito Linha M e a Série Napolitana. Eu tenho há dois anos o objetivo de ler mais mulheres. Ano passado foi complicadinho mas consegui!
    Bjus

    ResponderExcluir
  31. Nossa, adorei os livros que selecionou e peguei alguns para anotar e procurar depois. Parabéns pela indicação e inciativa.

    ResponderExcluir
  32. Sem dúvida uma lista muito boa de autoras. Conheço o projeto e apoio. Iniciativa.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
  33. mlr, eu quero mto ler esse de Elvira Vigna... O Linha M é maravilhoso, mas recomendo ler antes dele o Só garotos. :D
    sempre acompanhando as postagens com a # do projeto ^^
    bjs <3

    ResponderExcluir
  34. Olá Lilian,
    Que postagem mais linda e empoderadora essa a sua, hein?
    Eu ainda não li nenhum desses livros, mas já li vários livros de autoras e acho que elas não deixam nada a desejar aos autores, mas as pessoas não veem que somos iguais e precisamos batalhar isso dia após dia. Vou anotar várias dicas.
    Beijos

    ResponderExcluir
  35. Oi, Lilian ^^
    Pena que vi esse post dias depois do dia em comemoração das mulheres, teria postado também sobre as autoras que estou no desejo para adquirir suas publicações. :(
    Algumas das que estão na minha lista do Skoob são:

    - OUTLANDER (livro dois para frente), da Daiana Gabaldon;
    - O NAVIO ARCANO, da Robin Hobb;
    - FANGIRL e CARRY ON, da Rainbow Rowell;
    - GAROTA EXEMPLAR, da Gillian Flynn;
    - MENTES SOMBRIAS, da Alexandra Bracken;
    - REINICIADOS, da Teri Terry;
    - A LENDA DOS GUARDIÕES (livro dois para frente), da Kathryn Lasky;
    - OS BONS SEGREDOS, da Sarah Dessen;
    - DUFF, da Kody Keplinger;
    - THE 100, da Kass Morgan;
    - OS GAROTOS CORVOS, da Maggie Stiefvater;
    - O CASTELO DE VIDRO, autobiografia da Jeannette Walls;
    - AZUL É A COR MAIS QUENTE, da Julie Maroh;
    - TRONO DE VIDRO (livro dois para frente), da Sarah J. Maas;
    - PEQUENAS GRANDES MENTIRAS, da Liane Moriarty;
    - AS BRUMAS DE AVALON, da Marion Zimmer Bradley;
    - A FOGUEIRA, da Krysten Ritter;
    - TONS DE MAGIA (livro Dois), da V. E. Schwab;
    - CRÔNICAS DE AMOR E ÓDIO (livro Dois), da Mary E. Pearson;
    - PERDÃO TOTAL, da Robin LaFevers;
    - STAR WARS: LEGADO DE SANGUE, da Claudia Gray;
    - A IRMANDADE PERDIDA, da Anne Fortier;
    - A PECADORA, da Petra Hammesfahr;
    - O JARDIM DAS BORBOLETAS, da Dot Hutchison;
    - DESTINO MORTAL, da Suzanne Brockmann

    Pelo que deu para perceber possuo muitos desejados escritos por mulheres, né? ahsuhsuhahs <3

    Dos mencionados por você os que me interessei baseado nas sinopses foram: a tetralogia NAPOLITANA da Elena Ferrante (que está sendo um burburinho nos leitores mais cult contemporâneo), EU SEI PORQUE O PÁSSARO CANTA NA GAIOLA (que tem uma sinopse poderosa e reflexiva!) e fiquei tentado em ler PAIXÃO PAGU.

    Agradeço demais por esse post e por colocar novo livros na minha lista de Quero Ler.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  36. Que iniciativa boa!!! Total apoio. A maioria dos meus livros favoritos foram escritos por mulheres e isso é muito gratificante

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma