Resenha - Floris e Brancaflor




02 março 2016


O livro Floris e Brancaflor, da editora Hyria, história recontada por Thais Linhares, é uma das mais encantadoras narrativas românticas sobre o amor verdadeiro que viajou de Bagdá as cortes da Península Ibérica, sendo cantada por trovadores e difundida pelo mundo, tornando-se eterna e universal. A história contem traços míticos grego-romanos, iniciando uma contribuição de inspiração em muitas obras como "Romeu e Julieta" e outras tantas releituras sobre o amor verdadeiro.


“Sinopse: Floris e Brancaflor tem elementos tomados de contos árabes, como “Mil e uma noites”, mitologia grega “Píramo e Tisbe” e por sua vez, foi influenciar outros bardos, como “Romeu e Julieta”, de William Shakespeare.  O resultado é uma mistura suave das diferentes culturas que se encontraram na Península Ibérica, que acabou se revelando uma história eterna e universal, sendo igualmente apreciada nas cortes do norte e do sul, de leste a oeste.  As personagens principais são dois jovens adolescentes, um príncipe sarraceno e uma donzela cristã. É uma história que tem drama, aventura e, acima de tudo, amor: e a capacidade de por amor, vencer qualquer barreira, por mais intransponível que possa parecer.”

A história conta os encontros e desencontros de um jovem príncipe sarraceno e uma adorável donzela cristã que viajam por muitas terras estando separados. Com muita aventura, drama, conspirações e amor.
Uma história bem escrita, com narrativa clara e envolvente.
A arte por sua vez, não deixa a desejar, completando a obra de forma magnifica.
Uma obra infanto-juvenil que pode ser saboreada por todos os públicos e explorada por todos educadores.

Sobre a autora:

Thais Linhares ​tem diversos trabalhos publicados como ilustradora, escritora e quadrinista.
Algumas de suas obras como escritora e ilustradora foram adotadas no Programa Nacional Biblioteca na Escola (PNBE) como também em outros programas municipais e estaduais de adoção de livros para bibliotecas e escolas. Conheça mais sobre a autora e seu trabalho em 
www.thaislinhares.blogspot.com.br


Por Lilian Farias

10 comentários:

  1. Olá,
    a obra parece ser legal, fique curioso. Admito que não conhecia a editora e a autora, achei legal a utilização de elementos dos contos árabes, da mitologia grega, dessa interculturalidade. www.sagaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
  2. Essas histórias Greco-romanas deve tirar o ar do leitor.
    Eu não conhecia essa obra e parece aquela leitura que a gente fica sempre torcendo para o casal ficar junto o mais rápido possível.
    https://nerdbookblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá Lilima, ainda não li nada parecido, e gostei muito da forma como a obra é conduzida, é de livros assim que precisamos que sejam indicados e lidos. Dica anotadíssima!Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oii Lilian! É a primeira resenha que leio sobre esse livro! Sinceramente não sei se leria, pela sinopse, mas só por você ter ressaltado que a narrativa é envolvente e que gostou do livro, fiquei curiosa! Espero ter a oportunidade de ler esse livro um dia e gostar bastante.
    Beijos <3
    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi! Tudo bem?

    Nunca tinha ouvido falar na obra... Gostei de alguns itens que você ressaltou na resenha como, por exemplo, a escrita com narrativa clara e envolvente; bem como as inspirações de clássicos como "Romeu e Julieta". Ainda assim, eu não leria a obra no momento. Não é o tipo de leitura que se encaixa no meu 'mood' de agora.

    Beijos,

    Juliana Garcez | Livros e Flores

    ResponderExcluir
  6. Oie,
    Gosto desses tipos de leitura, só por ser um pouco parecido com Mil e uma noites já me interessei. Anotei aqui para procurar depois.
    Beijos
    Bru, Cantinho da Bruna

    ResponderExcluir
  7. Oi Lilian!
    Nunca tinha ouvido falar dessa obra, mas parece realmente uma leitura bem bacana. Admito que não gostei do trabalho de capa, mas é o conteúdo que importa né? Só espero que essa hsitória de amor verdadeiro não termine como Romeu e Julieta hahaha
    um abraço!
    Pan
    Pan's Mind

    ResponderExcluir
  8. Oi Lilian, sua linda, tudo bem?
    Que história mais fofa!!! E parece ser super romântica, a minha cara. Tem até trovadores!!!Não conhecia, mas já coloquei na minha lista. Gostei muito da sua resenha!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Ei, tudo bem?
    Não conhecia o livro e achei a premissa interessante. Gostei do fato de a história de inspirado tantas outras, como Romeu e Julieta, que eu adoro. Espero poder ler em breve.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura

    ResponderExcluir
  10. Oii, tudo bem?
    Bom, a capa é bem bonita, mas o livro não chamou a minha atenção, não faz muito o meu estilo.

    Beijos

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma

 

Fanpage

Seguidores

Compre aqui

Compre aqui
Livro Mulheres que não sabem chorar

Link Me

Curta também:

Parcerias

De olho

Arquivo do Blog

Direitos autorais

Google+ Followers

Autora dos livros O Céu é Logo Ali, Mulheres Que Não Sabem Chorar e Desconectada. Em seus livros ela aborda temas como sexualidade, liberdade, amor, preconceito, homossexualidade, violência sexual e alcoolismo. A escritora mantém um blog literário e está sempre bem informada sobre questões sociais que acontecem em nosso país. É defensora da tese de que todos são diferentes e merecem ser tratados com equidade. Ela adora escrever sobre temas que incomodam e diz não ter medo do preconceito. Trabalha no movimento social e acredita que a educação é capaz de trazer mudanças significativas ao país.

Siga-nos por e-mail

Copyright © 2015 • Poesia na alma