Tiranias - Rui Proença




14 março 2017



Antigamente
diziam: cuidado,
as paredes têm ouvidos
então
falávamos baixo
nos policiávamos
hoje
as coisas mudaram
os ouvidos têm paredes
de nada
adianta

gritar.

(Rui Proença)

34 comentários:

  1. Putz! Quanta verdade!
    Dá vontade de sair compartilhando por todo lado. Posso?
    Bjsss
    Luana
    www.umasegundaopiniao.com

    ResponderExcluir
  2. Poesias são sempre maravilhosas, sinto falta de ler mais. Essa daí fala uma das verdades do mundo moderno.

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Adoro poesias!
    Uma ótima escolha, gostei!
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  4. Adoro seu blog e os poemas que ele traz, tocam fundo <3

    ResponderExcluir
  5. Simples e profundo, me surpreendi, muito boa a poesia. Fiquei curiosa por mais, vou pesquisar sobre Rui e ver se me identifico com mais poesias suas.

    ResponderExcluir
  6. Profunda, sincera e realista. Uma poesia que com poucas palavras retrata a atualidade nua e crua.
    Adorei!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Olá Lilian, tudo bem?
    Cada dia mais me encontro encantada com o seu blog.
    Cada é post é mais lindo e mais profundo que o outro. Parabéns!
    Amei essa poesia e essa reflexão. É duro acreditar que é melhor ter uma parede com ouvidos do que ouvidos com paredes.
    Ameiii

    ResponderExcluir
  8. Uau! É simples e curta, mais incrível e profunda realidade. Beijos'

    ResponderExcluir
  9. Olá Lilian.
    Adorei essa poesia, muito profunda e reflexiva!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Olha como um texto pode ser tão pequeno e tão verdadeiro e atual, nos leva a reflexão. Assim como tudo que tenho acompanhado durante suas postagens.
    Parabéns!
    Adorei!
    Beijos!

    Camila de Moraes.

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bem? Muito atual e muito reflexivo o poema. Andamos com a vida tão rápida, tão acelerada, que não olhamos para o lado, não ouvimos o próxmo, não enxergamos o presente. Adorei!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Adorei o poema! É simples, mas, ao mesmo tempo, profundo, sensível e reflexivo.
    Infelizmente, as pessoas estão cada dia mais voltadas para dentro de si mesmas e não param para ouvir o que os outros têm a dizer. Adorei a reflexão!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. É engraçado como a poesia consegue retratar uma triste verdade de forma tão inocente.
    Bjs

    ResponderExcluir
  14. Nossa é super verdade! Hoje em dia muitas pessoas preferem ficar na ignorância a dar ouvidos a outras pessoas. Adorei a poesia!

    ResponderExcluir
  15. A mais pura verdade! Amei o verso...Infelizmente hoje em dia acontece muito isso nem gritando somos ouvidos

    ResponderExcluir
  16. Bela poesia.
    Super verdadeira.
    Hoje em dia o povo meio que prefere olhar a vida dos outros do que escutar o que se tem a dizer.

    ResponderExcluir
  17. Eita, só li verdades.
    Ei, achei teu blog massa oh, começando pelo layout bem minimalista.
    Arrasou,
    bjs
    Jo Scarreiro

    ResponderExcluir
  18. Pois é!
    Conheci a frase na fanpage, dias atrás, e compartilhei porque é de uma verdade que chega a doer.

    Adoro o conteúdo do blog. Sempre me agrega algo.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. É incrível como poucos versos podem transmitir tanta verdade sobre nós. O ouvir tem sido muito complicado em nosso tempo. Mas o ouvir sem julgar tem sido ainda mais. Estamos sempre nos negando a ouvir o que o outro tem a dizer, e isso é bem ruim. É preciso ouvir mais. Entender mais. Amei o poema. Beijos do Wes ^^

    ResponderExcluir
  20. Oiee!!!
    Qto verdade numa pequena e linda poesia...
    Hoje temos q tomar cuidado com tudo. Inclusive pq a gente fala 'A' e se propaga 'B'..
    Difícil de entender...

    Ótima reflexão.
    Bjo

    ResponderExcluir
  21. uau! muitas verdades em poucas palavras! adorei!

    ResponderExcluir
  22. Simples, profundo e verdadeiro. Parabéns, é uma ótima poesia!

    ResponderExcluir
  23. Olá...adorei a poesia, dificilmente vejo essas coisas em blogs, parabéns!

    Abraços

    ResponderExcluir
  24. "Os ouvidos tem paredes", meu Deus que tiro!
    Nós temos parede, nós nos embarreiramos e nos trancamos. Verdade.
    Amei!

    ResponderExcluir
  25. Uau! Tão simples mas tão direto! Verdades em forma de poesia, maravilhoso!

    ResponderExcluir
  26. Poema interessante.
    Não conhecia esse.
    Legal postar.

    Att,

    Ana Souza
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  27. Verdade. As coisas mudam, pessoas mudam, comportamentos.
    Difícil encontrar pessoas que realmente deem a atenção necessária
    Bonito poema, bjoooooo

    ResponderExcluir
  28. Oie
    uau que maravilhoso, que crítica, como não refletir depois de um poema desse? Parabéns, está maravilhoso

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Olá, tudo bom?
    Gosto muito de poesia, apesar de não entender muito sobre. Gostei muito da poesia e da sinceridade das palavras.

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  30. Oie! O triste é o peso da verdade nessas palavras. As pessoas não querem ouvir, não querem saber, a não ser que seja o que elas já sabem.
    Bjus

    ResponderExcluir
  31. texto curto, forte e de multiplas interpretações,
    dependendo do ponto de vista de quem está lendo.
    Genial

    ResponderExcluir
  32. Olá!
    Que texto realista e profundo. Estamos numa era em que as pessoas não escutam umas as outras, há um bloqueio entre o ser humano e isso está destruindo a nossa comunidade. Temos que reverter isso urgente.
    Amei o texto.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma

 

SKOOB

Arquivo do Blog

Direitos autorais

Copyright © 2015 • Poesia na alma