Dia Nacional da Luta Antimanicomial: loucura e literatura




18 maio 2017



O 18 de maio, no Brasil, é o Dia Nacional da Luta Antimanicomial. Data que foi instaurada em 1987 na cidade de Bauru, durante o Congresso de Trabalhadores de Serviços de Saúde Mental, e que deu visibilidade ao Movimento da Luta Antimanicomial, "Por uma sociedade sem manicômios", dessa forma, iniciando uma trajetória que propunha como proposta a Reforma Psiquiátrica Brasileira. Hoje, a Edições Carolina lança o livro Olhando Sobre o Muro: Loucura e Literatura, de Gislene Barral.

Sinopse: “A loucura não é apenas o que se vê dela na aparência, conduta, linguagem e gestos do louco. Ela é também construída por símbolos e representações, de acordo com os valores culturais e históricos de determinada cultura e sociedade”. Loucura e literatura são fenômenos que movimentam linguagens próprias e transgressoras. Elas desautomatizam a norma rígida, seja ela a da linguagem da razão, seja a da denotação. Olhando sobre o muro tem como foco narrativas da literatura brasileira, publicadas a partir da década de 1950 até a contemporaneidade, e a construção estética e ética de personagens loucas. Além da fala do outro sobre a loucura, o livro aborda, também, as autorrepresentações de Stela do Patrocínio e de Maura Lopes Cançado.


O livro pode ser adquirido, somente em formato digital, aqui

18 comentários:

  1. tu sempre com maravilhosas indicações. ♥
    achei bem pertinente essa divulgação aproveitando a data.
    é uma temática que tenho interesse, mas em ebook me quebra TT_TT
    espero que saia versao fisica dele algum dia...
    bj :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Maria Valéria, pelo interesse! Saindo a versão física, avisaremos por aqui...

      Excluir
  2. eita, adorei essa indicaçao, confesso que nao eh o livro que esta na minha zona de conforto, mas eu achei realmente interessante, gosto desse tipo de historia, de loucura msm kkk

    ResponderExcluir
  3. Mesmo não sendo um tipo de livro que estou habituada a ler, a temática pareceu-me interessante.
    Boas leituras.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Inês, pelo interesse!

      Excluir
  4. Oi!

    O doutorada da minha amiga é sobre esse tema, entretanto eu não gostaria de ler a obra no momento, talvez no futuro. Não posso deixar que a sinopse e a temática é interessante, talvez no futuro eu adquira e espero que tenha o exemplar de forma física. Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Achei incrível essa indicação Lilian, ainda sobre essa data que não é conhecida pelas outras pessoas e assim com a obra desconhecida, não pensaria duas vezes a não ser ler.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Achei um ótimo livro para autores novos que queiram criar personagens loucos ou quase lá. Eu não sabia do 18 de maio. Vivendo e aprendendo! Obrigada por compartilhar, gostei muito da ideia do livro e vou recomendar. Bj!

    ResponderExcluir
  7. Oi,
    Confesso que estava na ignorância sobre a data.
    Vou até pesquisar mais sobre o Dia Nacional da Luta Antimanicomial.
    Fiquei curiosa para saber mais sobre o livro.
    Abrçs

    ResponderExcluir
  8. Eu não tinha conhecimento sobre essa data e achei a proposta do livro muito interessante, principalmente para o que representa.

    ResponderExcluir
  9. Oi Lilian, não tinha nem ideia de que existia uma data comemorativa para isso. Em relação ao lançamento do livro, não é um que me interesse no momento, mas tenho certeza que tem muito a ser falado sobre ele.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
  10. Olha, muito interessante essa indicação. O conhecimento sempre traz a compreensão e o entendimento da situação do outro.
    Adorei a dica!

    ResponderExcluir
  11. Oie
    legal a dica, ainda não conhecia e é sempre bom conhecer livros diferentes para alternamos um pouco, bela dica

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Gostei de saber da indicação, mas confesso que o livro está um pouco longe da minha zona de conforto.
    Mas não deixa de ser interessante.


    Blog Livros, vamos devorá-los

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bem? Gostei da dica, afinal conhecer um pouco mais desse universo e da realidade de várias pessoas sempre é ótimo. Não conhecia essa homenagem do dia mas fiquei bastante feliz de lembrar da luta constante que é as doenças psicológicas. Ótima indicação!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.

    ResponderExcluir
  14. Adorei a sua indicação. Não é muito o meu tipo de leitura, mas acho que eu vou dar uma chance.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi Lilian

    Confesso que não sabia do Dia Nacional da Luta Antimanicomial, por isso sua postagem foi uma surpresa. Anotei a dica do livro para ter mais informações , pois é tudo indica que é uma leitura interessante.

    Bjos

    ResponderExcluir
  16. Aposto que o livro seja extremamente interessante, mas vou deixar passar a dica, por falta de costume de ler livros assim.

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma

 

Fanpage

Seguidores

Compre aqui

Compre aqui
Livro Mulheres que não sabem chorar

Curta também:

De olho

Arquivo do Blog

Direitos autorais

Google+ Followers

Autora dos livros O Céu é Logo Ali, Mulheres Que Não Sabem Chorar e Desconectada. Em seus livros ela aborda temas como sexualidade, liberdade, amor, preconceito, homossexualidade, violência sexual, alcoolismo, etc. A escritora mantém um blog literário e trabalha com educação.

Siga-nos por e-mail

Copyright © 2015 • Poesia na alma