Resenha – Mago, As Trevas de Sethanon




29 junho 2015

A série Mago, As trevas de Sethanon, de Raymond E. Feist, Saída de emergência, chega ao final com gosto de quero mais. Os mistérios que a literatura fantástica materializa são encontrados em cada página da saga; capaz de conduzir o leitor a experimentar cada personagem que desmitifica uma interpretação subjetiva/poética ou alegórica separadamente. Essa não é uma resenha que dê para discorrer muito, pois não quero correr o risco ‘falar demais’. Ver resenha do livro umdois e três



‘Mago - Ventos malignos sopram sobre Midkemia. As legiões negras ergueram-se para esmagar o Reino das Ilhas e escravizá-lo com o terrível poder de sua magia. A batalha final entre a Ordem e o Caos está prestes a começar nas ruínas de uma cidade chamada Sethanon. Agora Pug, o mestre conhecido por Milamber, terá à sua frente a incrível e perigosa missão de viajar até a aurora do tempo e lidar com um antigo e temível inimigo. O destino de mil mundos dependerá apenas dele.Enquanto o Príncipe Arutha e os seus companheiros reúnem as suas hostes para a batalha final contra um misterioso demônio ancestral, o temido necromante Macros, o Negro, libertou mais uma vez a sua magia negra. O destino de dois mundos será decidido numa luta colossal sob as muralhas de Sethanon, quando são restaurados os laços entre Kelewan e Midkemia.’

Pug, personagem central, não é mais um menino desorientado, ele passou por transformações e ritos de passagens, que com o tempo, o transformou num homem. Um homem capaz de reconhecer o quanto pode ser poderoso. Junto a ele, personagens secundários vão construindo o enredo e tornando real os elementos sobrenaturais.

“ – Nunca mais seremos os rapazes que éramos, Tomas. Mas nos tornamos mais do que aquilo que algumas vez sonhamos. Ainda sim, poucas coisas de valor são eternamente simples ou fáceis. ”

Numa missão insólita, Pug e Tomas desafiam o tempo e o espaço, e a certeza de que tudo pode dar errado é gigante. Arutha tem a esperança de dias melhores e calmo, mas, enquanto não enfrentamos os nossos monstros, isso não é possível.

Muitos personagens conduzem o enredo, suas escolhas e complexidade prendem o leitor do início ao fim, elencando medo, perplexidade, alívio e riso. É uma saga juvenil que rompe paradigmas cartesianos, provocando o imaginário do leitor. 

18 comentários:

  1. Olá
    ainda não tinha visto resenhas do livro, mas já tinha visto a sinopse na pagina da editora, e achei a capa bem legal também rsrs, vou anotar na minha lista (que já esta grande de mais para o meu bolso) e vê se compro,
    Bjks
    Passa Lá No Meu Blog - http://ospapa-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi tudo bem?
    Que bom que a série terminou assim tão boa. Eu tenho o primeiro livro em casa e ainda não peguei ele para ler. Não posso mais adiar.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá,

    Adorei a resenha, os livros parecem ser bem interessantes com aquele toque de ação.
    Muito legal

    http://www.sobrevicioselivros.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem?
    Já conhecia essa série da Saída de Emergência e achei a premissa dela bem interessante, fora as capas dos livros que são lindas e muito atrativas!
    Essa é a primeira resenha que leio sobre algum dos livros e fiquei bem animada para realizar essa leitura.

    Beijo :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    A história parece ser bem legal mas não chamou a atenção.
    Adorei a resenha e a capa do livro
    Beijos, Tabatha
    http://aproveiteolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. confesso que não li nada da série... e como ando correndo delas ultimamente, acho que dessa vez deixo a leitura passar... eu gosto de fantasia, mas não ando com vibe pra elas. :(
    Gostei da resenha, pois não soltou detalhes essenciais da trama mas tbm não ficou rasa. pra mim, tá no ponto ideal :D

    ResponderExcluir
  7. Já ouvi muito sobre essa série e eu amo o gênero fantasia!
    Fiquei bastante empolgada com a sua resenha e a riqueza em detalhes,
    bjus

    ResponderExcluir
  8. Olá, acredita que eu só li o primeiro livro dessa série.
    Eu achei muito bom, apesar de algumas chateações, mas por se assemelhar a um jogo de D&D fez com que eu gostasse ainda mais.
    Bela resenha sem spoilers. :)

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Não conhecia a série, mas fã de literatura fantástica que sou, achei a premissa bastante interessante e as capas lindas!
    Gostei dos pontos que você ressaltou na resenha. Com certeza irei ler, se tiver oportunidade.
    Beijos.

    Li
    Literalizando Sonhos

    ResponderExcluir
  10. Ainda não li a série, mas suas resenhas me deixaram bastante curiosa ainda mais para quem ama literatura fantástica como eu, dica mais que anotada. A capa está linda . beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  11. Eu tentei ler o primeiro livro dessa serie, o Aprendiz, e não consegui dar continuidade à leitura... algumas coisas no livro me incomodaram e as vezes eu caia no sono no meio do capítulo. Não sei se irei insistir na leitura, pode ser que sim.
    Ótima resenha.
    Beijo

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia esse livro e é a primeira resenha que vejo dele. Com certeza irei dar uma chance ao livro, apesar de que o enredo não faz parte das minhas leituras atuais. Achei muito legal a capa, ficou bem trabalhada. Sua resenha é sem comentários, parabéns!

    ResponderExcluir
  13. Oi.Tudo bem?

    Não conhecia a serie, mas por ser de fantasia e épico, com certeza eu já o leria. Amei a capa e a premissa e com certeza assim que ler as series que estão ´paradas aqui na estante darei uma chance a essa.

    bjs

    ResponderExcluir
  14. Essa é uma série que eu confesso que estou louca pra ler, mas ainda não tive a oportunidae de comprar os primeiros livros. Sou apaixonada por livros de fantasia e essa série em particular sempre me chamou atenção.

    laoliphant.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oiee, sua resenha ta bem curtinha, né? haha, gostei, eu nao li ou conheço nenhum dos livros dessa série, não curto muito livros de fantasia :p
    www.muchdreamer.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Não conhecia o livro, mas parece ser uma série muito boa mesmo. Vou procurar os outros livros.
    ps: que resenha curta haha
    www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  17. Esse livro parece ser muito bom, além dos outros! Fiquei bastante curioso para conhecer esses personagens que fazem a imaginação fluir! Adorei a resenha!

    Abraços e até!

    lendoferozmente.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Oii...
    Menina eu morro de vontade de ler essa série, amei a sua resenha e ela aguçou ainda mais a minha curiosidade. Espero poder ler essa série incrível em breve.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir

O Poesia na Alma pertence ao universo da literatura livre, como um bicho solto, sem dono e nem freios. Escandalosamente poéticos, a literatura é o ar que enche nossos pulmões, cumprindo mais que uma função social e de empoderamento; fazendo rebuliço celular e sexo com a linguagem.

@Poesianaalma

 

Fanpage

Seguidores

Compre aqui

Compre aqui
Livro Mulheres que não sabem chorar

Link Me

Curta também:

Parcerias

De olho

Arquivo do Blog

Direitos autorais

Google+ Followers

Autora dos livros O Céu é Logo Ali, Mulheres Que Não Sabem Chorar e Desconectada. Em seus livros ela aborda temas como sexualidade, liberdade, amor, preconceito, homossexualidade, violência sexual e alcoolismo. A escritora mantém um blog literário e está sempre bem informada sobre questões sociais que acontecem em nosso país. É defensora da tese de que todos são diferentes e merecem ser tratados com equidade. Ela adora escrever sobre temas que incomodam e diz não ter medo do preconceito. Trabalha no movimento social e acredita que a educação é capaz de trazer mudanças significativas ao país.

Siga-nos por e-mail

Copyright © 2015 • Poesia na alma